Apoio às famílias com órfãos para que floresçam no Zimbábue

Passo a Passo 101 - Assistência aos órfãos

Inclui estudos de casos, atividades infantis e uma entrevista comovente sobre como é crescer em um centro de acolhimento infantil.

apoio às famílias com órfãos para que floresçam no zimbábue

Denford Munemo e Qobolwakhe Khumalo 

Calcula-se que o Zimbábue abrigue cerca de 720.000 órfãos, em parte como resultado das mortes por doenças relacionadas com a AIDS. Tradicionalmente, a família extensa cuidaria dos órfãos. No entanto, devido às difíceis condições econômicas e sociais no país, os parentes têm dificuldades para lidar com a situação. A ZOE (Zimbabwe Orphans through Extended Hands) acredita que as igrejas locais podem ajudar de maneira vital.

A ZOE oferece às famílias com órfãos oportunidades para ganhar a vida, e os voluntários das igrejas prestam apoio. Foto: Eleanor Bentall/Tearfund
A ZOE oferece às famílias com órfãos oportunidades para ganhar a vida, e os voluntários das igrejas prestam apoio. Foto: Eleanor Bentall/Tearfund

Mobilização de igrejas

A mobilização de igrejas é o cerne do trabalho da ZOE. As igrejas frequentemente desejam cuidar dos órfãos, mas não sabem como ajudar. É aí que a ZOE entra.

A força do ministério está nas igrejas trabalhando juntas. Quando um líder de igreja procura a ZOE para pedir ajuda para cuidar de órfãos, a ZOE primeiro pede ao pastor para reunir todos os líderes de igrejas da área. Os funcionários da ZOE, então, desenvolvem a visão dos líderes juntos sobre a mensagem bíblica para cuidar dos órfãos. Os líderes voltam para suas igrejas e compartilham a visão. Eles pedem aos membros de suas congregações que se interessam pelos órfãos para que se tornem voluntários. 

A ZOE, então, treina voluntários das igrejas para visitar e apoiar famílias com órfãos (famílias que cuidam de órfãos). Cada voluntário é responsável por visitar regularmente quatro ou cinco famílias com órfãos (ou menos, se alguma das famílias for chefiada por uma criança, uma vez que estas necessitam de um apoio maior).

Fortalecimento familiar

Os voluntários das igrejas são treinados em competências parentais, orçamentação, proteção infantil, apoio psicossocial, desenvolvimento infantil e saúde sexual e reprodutiva, e eles, então, passam esse treinamento e conhecimento para as famílias que apoiam.

As igrejas e os membros da comunidade também são incentivados a defender os órfãos através da defesa e promoção de direitos. Eles protegem os direitos de herança dos órfãos e ajudam-nos a obter certidões de nascimento, necessárias para acessar outros serviços.

A construção de relacionamentos de apoio é central para o papel dos voluntários. Como parte de sua formação, eles são incentivados a usar os recursos que lhes foram dados por Deus para apoiar as famílias com órfãos (veja a página ao lado).

Meios de vida sustentáveis

A ZOE também ajuda os órfãos e os prestadores de cuidados a encontrar maneiras de ganhar a vida. A organização fornece-lhes pequenos animais (por exemplo: cabras, galinhas ou coelhos) e treina os membros das famílias no manejo de animais. Ela também treina as famílias com órfãos a cultivar alimentos e oferece formação profissional aos órfãos em um ofício de sua escolha, preparando-os para um futuro mais seguro.

Denford Munemo é o Diretor Nacional da ZOE, e Qobolwakhe Khumalo é o Gestor de Programas da ZOE.

Site: www.zoezim.blogspot.co.uk
E-mail: info@zoezim.org 


Bob Chimboo
vidas mortas de volta à vida

Pastor Bob Chimboo, do sudeste do Zimbábue, conta sobre sua experiência de trabalho com a ZOE.

Com a ajuda da ZOE, entre 2003 e 2016, desenvolvemos a visão de 135 igrejas em Masvingo para cuidar de órfãos. Muitas vidas que pareciam mortas foram “ressuscitadas”. As igrejas encontraram muitas maneiras diferentes de satisfazer as necessidades dos órfãos e das viúvas. Estas incluem o pagamento das matrículas escolares e cursos de cabeleireiro, mecânica de automóveis e costura. Alguns destes órfãos agora têm emprego e podem sustentar suas famílias. Estamos treinando famílias de órfãos em jardinagem, piscicultura, fabricação de velas, criação de cabras e fabricação de manteiga de amendoim. Também temos combatido o casamento infantil e todas as formas de abuso infantil.

O modelo da ZOE ajudou-nos, enquanto pastores de diferentes igrejas, a nos unirmos em prol dos órfãos. Reunimo-nos uma vez por mês para discutir as questões que os voluntários de nossas igrejas encontram durante suas visitas. Agora somos uma igreja relevante em nossas comunidades.


uso dos recursos dados por deus

Os funcionários da ZOE usam estas ideias inspiradoras como parte de seu treinamento para os voluntários das igrejas. Será que você poderia fazer uma cópia deste folheto e usá-lo em sua igreja?

Deus criou-nos com um coração, olhos, ouvidos, boca, mãos e pés. Os voluntários das igrejas podem usar esses recursos dados por Deus para construir relacionamentos de apoio com as famílias de órfãos.

CORAÇÃO Um coração cheio de amor por causa da cruz de Jesus. Um coração como o coração de Deus, o Pai, para amar e cuidar de órfãos. 

OLHOS Para ver o cabelo macio e castanho e as mãos e os pés inchados, que mostram kwashiorkor (desnutrição por falta de proteínas e outros nutrientes)… Para olhar nos olhos da criança e ver o “abuso”… Para observar a casa – o buraco no telhado de palha, a falta de potes e panelas, etc… 

BOCA Para transmitir mensagens de esperança da Bíblia e conselhos sábios. Para que as famílias saibam que há ajuda e serviços disponíveis na comunidade. Para falar e ser uma voz para os que não têm voz através da defesa e promoção de direitos. 

OUVIDOS Para ouvir as crianças e compreender sua dor… Para ouvir o velho avô, que agora tem seis crianças para cuidar e sabe que tem mais quatro a caminho quando seu próximo filho morrer… Para ouvir quando nenhum parente perguntou: “Como você está?” ou “Como estão as crianças?”. Porém, agora esse voluntário vem visitá-lo e pergunta: “De quantas crianças você está cuidando? Como elas estão? Como você está?”. Este voluntário diz que quer ajudar da maneira que puder e dá ao velho homem uma chance de falar pela primeira vez em meses. Então o voluntário pergunta se pode voltar – e volta! 

MÃOS Para ajuda prática, como consertar o telhado de palha, preparar o terreno para o plantio, ensinar costura ou carpintaria, etc. 

PÉS Para levar mensagens, trazer suprimentos, levar as crianças ao posto de saúde, etc. – bem como para esportes e jogos! 

Deus deu-nos essas habilidades para cuidarmos uns dos outros e revelarmos o amor de Jesus. Eles são totalmente grátis! Os membros da igreja podem usar esses recursos para começar a construir um ministério forte de assistência aos órfãos.